Roberto Lopes

Roberto Lopes

Formado em Letras, Jornalismo com pós-graduação em Comunicação Empresarial e Advogado

Postado em 14/02/2024 09:50

Veja até quando você pode tirar o título de eleitor para votar nas Eleições 2024

TSE
Veja até quando você pode tirar o título de eleitor para votar nas Eleições 2024
A data-limite para tirar o primeiro título é 8 de maio

Até quando posso tirar meu título de eleitor para votar nas Eleições 2024? Faltam menos de três meses para o fim do prazo para que cidadãs e cidadãos solicitem a emissão da primeira via do título de eleitor ou regularizem o documento para poderem votar nas Eleições Municipais de 2024, marcadas para 6 de outubro. Então se liga: a data-limite para tirar o primeiro título é 8 de maio.

A emissão do documento está disponível, de forma gratuita e em poucos cliques, no Portal do TSE na internet, no Autoatendimento Eleitoral. Você também pode fazer sua inscrição eleitoral presencialmente: é só se dirigir ao cartório eleitoral mais próximo de sua residência. Para isso, basta consultar o Portal do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do seu estado ou uma unidade de atendimento da zona eleitoral perto do seu domicílio eleitoral (onde você reside e vai votar) e verificar se há a necessidade de agendamento.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: TSE

Comentários comentar agora ❯

Postado em 12/02/2024 15:47

Governo lança Painel Ligue 180 que lista serviços para mulheres vítimas de violência

Divulgação
Governo lança Painel Ligue 180 que lista serviços para mulheres vítimas de violência
Ferramenta inédita mapeia mais de 2,5 mil pontos de apoios

O Ministério das Mulheres (MMulheres) lançou o Painel Ligue 180, uma plataforma online inédita que permite consultar os 2.576 serviços que compõem a rede de atendimento às mulheres em situação de violência no Brasil, que é atualmente cadastrada na central Ligue 180.

Disponível no link www.gov.br/mulheres/ligue180, a base de dados traz informações detalhadas por estados e município sobre:

Delegacias Especializadas e Núcleos ou Postos de Atendimento à Mulher em Delegacias Gerais;

Núcleos da Mulher nas Defensorias Públicas (NUDEM)

Promotorias Especializadas e Núcleos de Gênero nos Ministérios Públicos

Juizados e Varas Especializadas em Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher

Centros de Referência e de Atendimento à Mulher (CRAMs, CEAMs etc.)

Casas Abrigo, Casas de Acolhimento Provisório e Casas-de-Passagem

Serviços de Saúde a Pessoas em situação de violência sexual;

Casa da Mulher Brasileira

Patrulhas Maria da Penha

Atualmente, a Central de Atendimento à Mulher pode ser acionada via telefone, pelo número 180, e via chat no WhatsApp, pelo (61) 9610 0180, em casos de denúncias de violência contra mulher, e para fornecer informações sobre direitos, garantias e serviços que prestam acolhimento humanizado às vítimas.

Localizado no próprio site do Ministério das Mulheres, o Painel Ligue 180 passa a ser mais uma ferramenta de orientação ao reunir, de forma intuitiva, a quantidade, a distribuição entre as regiões, os endereços, as modalidades de serviços e os contatos para que a população possa consultar diretamente essas informações.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Agência Gov.

Comentários comentar agora ❯

Postado em 10/02/2024 19:01

Carnaval é mais divertido quando os cuidados com a saúde entram na folia; veja algumas dicas

Freepix
Carnaval é mais divertido quando os cuidados com a saúde entram na folia; veja algumas dicas
Veja algumas dicas para aproveitar os dias de festa com as crianças

Dias de música, dança, liberdade e atenção. Para aqueles que irão aproveitar a folia na rua, junto aos filhos pequenos, veja alguns cuidados básicos que se deve ter para ficarem apenas lembranças positivas desses momentos. Confira a seguir:

FANTASIA

Já na escolha da fantasia, deve-se ter atenção ao material utilizado, com a finalidade de escolher bem o tecido que se adapta ao seu filho(a) e que seja adequado ao clima. “As crianças gostam de super-heróis e a maioria é de manga comprida. Tente fazer uma adequação ao clima do Brasil, que é tropical e de calor. Além disso evite tecidos sintéticos, pois a criança acaba tendo dificuldade para a respiração da pele. Evitar, também, tecidos que causam incômodo, arranhadura e alergias”.

MAQUIAGEM

Olhe os componentes das tintas e maquiagens que for passar. “Todo mundo quer maquiar, pintar o rosto e o corpo, não há problemas. Pegue um batom ou tinta que já se saiba previamente que não há correlação com alergia. Existe hoje o glitter biodegradável. Tente utilizar maquiagens infantis, que já são previamente testadas, para não ter esse tipo de incômodo”.

FAIXA ETÁRIA

Procure blocos mirins, para faixa etária. “Existem blocos de manhã, existem alguns até pela tarde e outros que são organizados de maneira fechada, em clubes, em shoppings. Não vinculo tanto ao horário e sim mais a ser apropriado à frequência mirim. Claro que se pode levar o filho para outros blocos, mas é mais arriscado e, por isso, tente tomar algumas precauções como: buscar as laterais, não ir para o centro, local em que há a pista de rolamento do bloco”.

SOM ALTO

Caso esteja próximo a uma bateria, tenha cuidado com a proteção auditiva e procure usar um protetor auricular no filho(a): “Cuidado tanto com o tempo de exposição do som elevado quanto com o valor de decibéis que se toleram (no caso, até 100 decibéis, valor bastante ultrapassado em diversos blocos). Pode causar problemas muito ruins, tanto para crianças quanto para os adultos. Existe protetor auditivo, por isso, leve. Ele(a) vai brincar da mesma maneira, vai escutar de alguma forma, mas vai estar atenuado o barulho. Mesmo que seja um bebê, pode colocar um algodão, tem espuma protetora. Existem várias modalidades para não ferir a orelha da criança”.

HIDRATAÇÃO E ALIMENTAÇÃO

Procure alimentos leves e se alimente, se possível, antes de ir para rua. “A criança deve se alimentar bem antes, mas é sempre bom levar naquela mochila uma fruta, um líquido que pode ser uma água ou um suco. Caso vá comer na rua, tente saber a procedência do alimento, não dá para oferecer qualquer coisa para a criança. Evite alimentos muito doces e refrigerantes, pois, devido à quantidade de açúcar, podem aumentar, ainda mais, a sede posteriormente”.

TEMPO DE PERMANÊNCIA NOS BLOCOS E PONDERAÇÃO

O tempo de permanência não pode estar vinculado diretamente ao tempo de duração de um bloco. Por exemplo, um bloco que dure quatro horas, não pode contar com uma criança sendo exposta por essas quatro horas. Faça um revezamento. Leve um pouco, volte e fique nesse movimento cíclico. Dessa maneira, todo mundo aproveita. “Até porque quando você decide ser pai/mãe você deve saber que tem uma mudança, temporariamente, da rotina e, por isso, deve-se buscar a adequação. Não sou favorável que a pessoa ache que a vida acabou por ter se tornado pai/mãe. Tem de haver uma ponderação. Tenho de ter saúde mental e se ela está ligada a bons divertimentos, principalmente com a família junto, vamos aos bloquinhos, mas não vá ficar seis, oito horas como se ficava antigamente, antes das crianças. Há um ressignificado do que é lazer, do que é felicidade, do que é harmonia na família. Está todo mundo feliz”.

ARBOVIROSES E EXPOSIÇÃO AO SOL

Lembrar que, por ser verão no Rio, existe o problema das arboviroses, por isso, “botar repelente, preocupar-se demais com a dengue, ainda mais agora que estamos com esse chamariz de casos da doença na população infantil. Usar protetor solar, pois os blocos são, na maioria, durante o dia. Mesmo que não haja sol, em virtude do mormaço, use protetor. Bote, também, um protetor físico, como boné”.

BRINCADEIRA E RESPEITO

A criança pode brincar e se divertir, mas sempre com a noção que seu divertimento não pode atrapalhar o dos demais, especialmente quando a brincadeira envolver artefatos do tipo spray de espuma, confete, serpentina “Tem de educar a criança. Quer brincar, tem de direcionar para o chão. Pois, caso contrário, pode atingir o olho de outra criança, adulto, idoso ou de quem estava sentado. Pode usar confete e serpentina, mas reforçando que jogar no rosto do outro não é legal.”

BRIGA E TUMULTO

Criança, bloco e bebida alcoólica não combinam e é totalmente irresponsável promover esse encontro. Evite, também, colocar as crianças nos ombros para atravessar multidões “Às vezes os responsáveis colocam as crianças nos ombros por questão de segurança, mas é um engano. Eventualmente você está no meio da multidão do bloco, na pista de rolamento, e colocou a criança acima do ombro, a criança vira alvo, o adulto perde o equilíbrio, ou seja, pode se tornar mais perigoso”.

IDENTIFICAÇÃO

Coloque algum identificador no seu filho(a) para caso ele se perca. “Levou criança para rua, local de grande movimento, botar pulseirinha de identificação. Evitar megablocos, claro. Colocar pulseirinha ou colar com um crachá de identificação caso necessário. Além disso, lembre-se que a criança tem de dormir e sua vontade tem de ser respeitada. Às vezes a criança está com sono, caindo nos ombros dos pais e eles continuam insistindo em ficar. Em alguns casos, procure uma sombra para a criança poder descansar um pouco”.

ADOLESCENTES

Com filhos já entrando na adolescência, a busca tem de ser essencialmente pelo diálogo, a estratégia é conversar. “O adolescente é atraído por experimentar sensações diferentes, então tente explicar que mesmo sabendo que o Carnaval é bom e dá para se aproveitar bastante, tem de ter atenção. Dê dicas de como se comportar durante alguns perigos iminentes, pois você não vai conseguir intervir de forma proibitiva. Oriente os meninos e as meninas para respeitar o corpo do outro. Temos de ensinar, principalmente, aos meninos crianças a respeitar as meninas, para justamente quando estiverem nessas bagunças saberem que o não é não”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Ebserh

Comentários comentar agora ❯

Postado em 09/02/2024 08:52

Saiba como diferenciar os sintomas da dengue e da gripe; as duas têm tratamento no SUS

EBC
Saiba como diferenciar os sintomas da dengue e da gripe; as duas têm tratamento no SUS
As duas doenças têm tratamento no SUS e devem ser diagnosticadas sempre por um médico

Febre, dor de cabeça, mal-estar e fraqueza. Esses são alguns sintomas comuns de várias doenças, a exemplo da dengue e da gripe. Então, como diferenciar as duas enfermidades? Antes, é importante saber que, embora sejam igualmente causadas por vírus, a transmissão dessas doenças ocorre de maneiras diferentes.

A dengue é causada pela picada da fêmea do mosquito Aedes aegypti . É um inseto doméstico, que vive dentro ou ao redor de domicílios ou de outros locais frequentados por pessoas, como estabelecimentos comerciais, escolas ou igrejas, por exemplo. Normalmente, a primeira manifestação da dengue é a febre alta, de início abrupto, que geralmente dura de dois a sete dias, acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e nas articulações, além de prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos e manchas vermelhas na pele.

Já a gripe é uma infecção respiratória causada pelo vírus Influenza, mais comumente transmitido durante o período do inverno. Os sintomas geralmente aparecem de forma repentina, como febre, dor de garganta, tosse, dores no corpo e dor de cabeça. Geralmente, tem resolução espontânea em aproximadamente sete dias, embora a tosse, o mal-estar e a fadiga possam permanecer por algumas semanas.

Confira abaixo as características dos sintomas de cada uma dessas doenças:

Dengue

Febre alta;
Dor no corpo e nas articulações;
Dor atrás dos olhos;
Mal-estar;
Dor de cabeça;
Manchas vermelhas no corpo.
Os sinais de alarme da doença são caracterizados principalmente por:
Dor abdominal intensa e contínua;
Vômitos persistentes;
Acúmulo de líquidos;
Sangramento de mucosa;
Irritabilidade.

Gripe

Febre;
Coriza;
Dor de garganta;
Tosse;
Dor no corpo;
Dor de cabeça;
Dores articulares;
Diarreia;
Vômito;
Fadiga;
Prostração;
Rouquidão;
Olhos avermelhados e lacrimejantes.
Evite a automedicação

O Ministério da Saúde reforça que em caso de suspeita de ambas as doenças é importante aumentar a hidratação e evitar a automedicação. Além disso, é possível realizar testes para identificar a exata enfermidade e fazer o tratamento adequado. O diagnóstico correto só pode ser feito pelo médico. Busque assistência na unidade de saúde mais próxima.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: MS

Comentários comentar agora ❯

Postado em 08/02/2024 14:30

Rex Jazz Bar divulga programação dos 5 dias de carnaval em Maceió

Assessoria
Rex Jazz Bar divulga programação dos 5 dias de carnaval em Maceió
De sexta (09) a terça (13) mais de 15 atrações compõem o line up deste feriado

A festa está garantida no Rex Jazz Bar, que conta com uma programação para todo o final de semana até o carnaval. O fervo começa a partir de amanhã (09) e se estende até terça (13), funcionando todos os dias com mais de 15 atrações nas cinco festas que acontecem a partir das 22h.

Esse é um feito inédito para o Rex Jazz, localizado no coração do bairro do Jaraguá, e que será um dos poucos em Maceió que funcionará todos os dias da festa de carnaval. “Nosso público está em Maceió, então decidimos fazer uma programação para eles apostando em todos os dias”, conta Filipe Mariz, produtor responsável pelo Rex.

A programação conta com diversos nomes e ritmos, que vão do axé ao pagode ou do funk ao pop. Naná Martins, JPê, Deuses do Swing, DJ Daft e muito mais no line up dos cinco dias de festas. Os ingressos estão disponíveis no Sympla. Para mais informações instagram.com/rexjazzbar

Confira a programação completa:

*MACETANDO (Sexta • 09/02)*
Naná Martins + djbrigadeiro + @fjsan001
*POP QUE PARIU CARNAVAL EDITION (Sábado • 10/02)*
Adija R. + Augusto C. + Gil + Brigadeiro + Paredão
*CARNAVRAU (Domingo • 11/02)*
Gabriel Rocheda + DJ Daft Funk feat Lirou Boy + Convidados
*PAREDÃO DOS DEUSES (Segunda • 12/02)*
Banda Deuses dos Swing + Mcam e Paredão
*SAIDERA (Terça • 13/02)*
JPÊ + MCam + Giu Kills 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Assessoria 

Comentários comentar agora ❯

Postado em 06/02/2024 10:38

Bolsa Família: confira o calendário de pagamento do mês de fevereiro

EBC
Bolsa Família: confira o calendário de pagamento do mês de fevereiro
Benefício começa a ser depositado no dia 16 para quem tem NIS com dígito final 1

Em fevereiro, os pagamentos do Bolsa Família terão início no dia 16, quando serão depositados os valores para os beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) com dígito final 1 (um). O valor será pago de forma escalonada até o fim do mês. Há exceção para moradores de municípios com a situação de emergência ou estado de calamidade pública reconhecidos pelo Governo Federal, que terão o pagamento realizado de forma unificada, no primeiro dia do repasse, independentemente do final do NIS.

Confira abaixo o calendário de fevereiro e clique aqui para consultar o calendário anual. O NIS está impresso no cartão do Programa.

Final do NIS/Data
1 - 16/2
2 - 19/2
3 - 20/2
4 - 21/2
5 - 22/2
6 - 23/2
7 - 26/2
8 - 27/2
9 - 28/2
0 - 29/2

Os cidadãos podem tirar suas dúvidas pelos telefones do Disque Social do MDS (121) ou pelo Atendimento Caixa ao Cidadão (111). Os beneficiários podem receber mensagens de WhatsApp dos números: (61) 4042-1552 (61) 4042-1553 (61) 4042-1554 com informações sobre o Programa Bolsa Família, regularização cadastral, acompanhamento de condicionalidades ou outros direitos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Gov.br 

Comentários comentar agora ❯

Postado em 04/02/2024 13:08

Mães e pais de recém-nascidos com deficiência poderão ter licenças ampliadas

Agência Senado
Mães e pais de recém-nascidos com deficiência poderão ter licenças ampliadas
Projeto garante prazo maior de licença-maternidade, licença-paternidade e estabilidade provisória

A estabilidade provisória, a licença-maternidade e a licença-paternidade do trabalhador que tiver filho recém-nascido com deficiência poderão ter seus prazos ampliados, caso se transforme em lei um projeto que atualmente tramita na Comissão de Direitos Humanos (CDH).

Pelas normas vigentes da Consolidação das Leis do Trabalho, as trabalhadoras têm direito a 120 dias de licença-maternidade e uma estabilidade provisória de até cinco meses após o parto. A senadora Mara Gabrilli (PSD-SP), autora do PLP 167/2023, propõe ampliar os dois prazos para 180 dias. Para ela, a regra geral não acolhe plenamente condições específicas.

“Os recém-nascidos com deficiência, de modo geral, necessitam de amplos cuidados, de assistência permanente e de proximidade com a mãe por tempo mais prolongado, sobretudo porque os bebês com deficiência podem apresentar atrasos globais de desenvolvimento relevantes”, explica a parlamentar na justificativa de seu projeto.

No entendimento de Mara Gabrilli, também a licença-paternidade — estabelecida em cinco dias pela Constituição — poderia ser prorrogada em até 60 dias em caso de pais de recém-nascidos com deficiência. Conforme lembra a senadora, a regra já comporta exceções: servidores públicos ou pessoas vinculadas ao Programa Empresa Cidadã têm direto a mais 15 dias de licença.

A proposta transfere à Previdência Social o custo dos períodos adicionais de licença, de modo a não onerar empregadores e não ensejar preconceito contra empregados e empregadas. A senadora espera que a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) avalie o impacto orçamentário da medida.

A CDH aguarda o relatório do senador Romário (PL-RJ) sobre o projeto. Depois do parecer da CDH, o texto segue para a CAE e para a Comissão de Assuntos Sociais (CAS), cabendo a esta última uma decisão terminativa: se for aprovado e não houver recurso de Plenário, o projeto será encaminhado à Câmara dos Deputados.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Agência Senado

Comentários comentar agora ❯

Postado em 03/02/2024 08:11

Confira 10 passos importantes para eliminar focos do mosquito da dengue em sua casa

MS
Confira 10 passos importantes para eliminar focos do mosquito da dengue em sua casa
Ministério da Saúde convoca a população para o enfrentamento ao mosquito Aedes aegypti

O cuidado para eliminar os focos do mosquito em casa tem de existir durante todo o ano, mas precisa ser intensificado neste período. É preciso que cada cidadão esteja atento aos riscos e vistoriem, semanalmente, suas casas. Algumas medidas simples podem ser implementadas na rotina. Confira 10 passos que ajudarão a você proteger sua família contra o mosquito vetor:

1) Tampe caixas d’água, ralos e pias;

2) Higienize bebedouros de animais de estimação;

3) Descarte pneus velhos junto ao serviço de limpeza urbana de sua cidade. Caso precise guardá-los, mantenha-os em local coberto, protegidos do contato com a água;

4) Retire a água acumulada da bandeja externa da geladeira e bebedouros e lave-os com água e sabão;

5) Limpe as calhas e a laje da sua casa e coloque areia nos cacos de vidro de muros que possam acumular água;

6) Coloque areia nos vasos de plantas;

7) Amarre bem os sacos de lixo e não descarte resíduos sólidos em terrenos abandonados ou na rua;

8) Faça uma inspeção em casa pelo menos uma vez por semana para encontrar possíveis focos de larvas;

9) Sempre que possível, faça uso de repelentes e instale telas, especialmente nas regiões com maior registro de casos;

10) Receba bem os agentes Comunitários de Saúde e de Controle de Endemias que trabalham em sua cidade.

Fique atento!

Em caso de febre, dor de cabeça, dores atrás dos olhos ou no corpo, náuseas e manchas na pele, procure imediatamente a Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua casa.

Não faça uso de medicamentos sem conhecimento médico. Em caso de dengue, o uso inadequado de certos remédios pode agravar o quadro de saúde.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Ministério da Saúde 

Comentários comentar agora ❯

Postado em 02/02/2024 15:40

Pinto da Madrugada desfila neste sábado e deve arrastar mais de 400 mil foliões pela orla de Maceió

Assessoria
Pinto da Madrugada desfila neste sábado e deve arrastar mais de 400 mil foliões pela orla de Maceió
Bloco homenageia a Maestrina Fátima Menezes e seus fundadores

O Pinto da Madrugada, patrimônio imaterial da cultura alagoana, desfila neste sábado, dia 3, pela orla de Maceió, com 16 orquestras, mais de mil músicos, de todas as regiões do estado, cinco carros alegóricos e muito frevo no pé, comemorando 25 anos do maior bloco de Alagoas e o quarto do país. Segundo Hermann Braga, dirigente do bloco, a expectativa é arrastar mais de 400 mil foliões pela avenida.

“O Pinto é cultura, é festa, mas também é geração de trabalho, é movimentação positiva da economia local, é atrativo turístico e é um hino ao carnaval de frevo de Alagoas”, destaca Hermann, lembrando que este ano o tema do bloco é “Alagoas, meu lugar; Maceió, minha sereia”. “Vamos também homenagear todos os blocos antigos de Maceió e a Maestrina Fátima Menezes”, afirma.

Sobre os 25 anos do Pinto, Hermann Braga faz um agradecimento aos fundadores do bloco. “Estamos aqui hoje, como o maior bloco de Alagoas e o quarto do Brasil, graças ao empenho, dedicação, e paixão pelo frevo dos fundadores Marcos Davi, Braga Lyra e Eduardo Lyra, foliões de primeira ordem, e Marcial Lima, que infelizmente já não está mais conosco”, salienta o dirigente do bloco.

O bloco conta com o apoio da Prefeitura de Maceió que, segundo o presidente da Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC), Myriel Neto, “o Pinto da Madrugada é uma agremiação que traz a memória cultural do carnaval de rua da capital aos dias de hoje e tem uma representatividade fundamental de Maceió para outros estados”.

O Observatório da Economia Criativa e do Turismo da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) realizou estudos que registram uma movimentação de cerca de R$ 120 milhões na economia local, com a realização do desfile do Pinto da Madrugada.

SERVIÇO:
Desfile Pinto da Madrugada
Data: 03/02/2024
07h – Concentração (início da praia da Pajuçara)
09h – Saída do bloco

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Assessoria 

Comentários comentar agora ❯

Postado em 01/02/2024 08:50

Estão abertas até 30 de abril as inscrições para a edição 2024 do Programa Jovem Senador

Divulgação
Estão abertas até 30 de abril as inscrições para a edição 2024 do Programa Jovem Senador
O Senado custeia todos os gastos necessários para a execução do programa

Estão abertas até 30 de abril as inscrições para a edição 2024 do Programa Jovem Senador. A inscrição se dá com o envio das redações selecionadas pelas escolas participantes às secretarias de Educação de seus estados e do Distrito Federal. O tema da redação deste ano é “Os 200 anos do Senado e os desafios para o futuro da democracia”.

Por meio das redações, o programa seleciona a cada ano 27 estudantes de ensino médio de escolas públicas, que passam uma semana em Brasília conhecendo o Senado e vivenciando a experiência de atuarem como senadores. Outras informações estão disponíveis no site senado.leg.br/jovemsenador

O Programa Jovem Senador é realizado anualmente com estudantes de até 19 anos do ensino médio das escolas públicas estaduais e do Distrito Federal. Participam estudantes do ensino médio da rede pública estadual selecionados por meio de concurso de redação, com temas sociais e políticos, sob responsabilidade de efetivação das secretarias de Educação dos estados e do Distrito Federal. Estudantes que obtêm a primeira colocação no concurso, bem como seu professor orientador, são habilitados a participarem das simulações em Brasília. 

O Senado custeia todos os gastos necessários para a execução do programa: despesas de deslocamento, seguro viagem, hospedagem, alimentação e traslado para estudantes e professores. O objetivo é fomentar a reflexão dos jovens estudantes sobre política, democracia e o exercício da cidadania, bem como proporcionar o conhecimento acerca da estrutura e do funcionamento do Poder Legislativo e estimular o relacionamento permanente do jovem cidadão com o Senado. O programa funciona por meio de simulação no Plenário do Senado e nas salas de comissões parlamentares, durante a Semana de Vivência Legislativa, e é transmitido pelos canais de comunicação da Casa. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Agência Senado

Comentários comentar agora ❯