08 Janeiro 2010 - 13:24

Paixão de Cristo no Morro Santo completa 15 anos

Divulgação

Na tarde desta quinta-feira, representantes da Secretaria Municipal de Cultura estiveram reunidos com o presidente da Associação dos Artistas do Morro da Massaranduba, Wagno Godez, representantes da igreja Católica e com o vereador Daniel Rocha (PTB) para traçar as metas organizacionais da Paixão de Cristo no Morro da Massaranduba. Este ano, o maior espetáculo a céu aberto de Alagoas, completa 15 anos e acontece entre os dias 28 de março a 04 de abril.

Na ocasião, foi definida a comissão organizadora do evento. O Padre Murilo será o responsável pela Programação Litúrgica, para a Programação Cultural o responsável é o Wagno Godez e para a programação de Estrutura e Logística, o Sub-secretário de Cultura, Júnior Silveira, a diretora do Memorial da Mulher, Kyka Tenório, e o diretor cultural, Júnior Bala, serão os responsáveis da pasta.

 

O presidente da Associação dos Artistas do Morro da Massaranduba, Wagno Godez, disse da importância de realizar a encenação com a contribuição e parceria da igreja católica. “A igreja integrada ao processo da organização, ajuda ainda mais na grandeza do espetáculo, que já virou calendário cultural de Alagoas”, falou.

Bebidas Alcoólicas

Um dos pontos de discussão da reunião foi a proibição de vendas de bebidas alcoólicas durante a Paixão de Cristo. Ficou definido que acontecerá uma fiscalização rigorosa para que nenhuma bebida com teor alcoólico – inclusive vinho – seja comercializada na festa. “O espetáculo terá todo comprometimento da Prefeitura de Arapiraca, inclusive na fiscalização das bebidas”, contou Kyka Tenório.

Emenda

O senador Fernando Collor apresentou uma emenda no orçamento do Ministério da Cultura, que viabilizou recursos na ordem de R$ 250 mil para a realização do evento. A iniciativa partiu do vereador Daniel Rocha, que viajou para Brasília, afim de apresentar propostas de melhorias do evento para os senadores Collor e Renan Calheiros, que por sua vez, também prometeu ajudar na realização da Paixão de Cristo.

por Ascom PMA

Comentários comentar agora ❯