12 Agosto 2009 - 17:04

Prêmio ODM Brasil será lançado no Rio nesta quinta-feira

O Governo Federal, por meio da Secretaria-Geral da Presidência da República, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e o Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade, realizam a partir das 9h desta quinta-feira, 13 de agosto, no Rio de Janeiro, o Seminário Estadual da terceira edição do Prêmio Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM Brasil).

Estão previstas as presenças do ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, Luiz Dulci, de representantes do Governo do Estado, das prefeituras fluminenses, além da Petrobras, Caixa e Banco do Brasil, empresas parceiras da iniciativa.

O Prêmio ODM Brasil foi criado para estimular as iniciativas de prefeituras, empresas e organizações da sociedade civil que contribuam para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

O Seminário Estadual terá a seguinte programação:

* 9 horas: Abertura com a presença das autoridades e lideranças da sociedade civil e do setor privado;
* 11 horas: Oficina do Prêmio ODM;
* 14 horas: Oficina de Municipalização dos ODM;
* 15h30min: Oficina de Mobilização;
* 17 horas: Formação do Núcleo Estadual de disseminação dos ODM.

Local: Galpão da Ação e Cidadania - Av. Barão de Tefé, 75 - Saúde - RJ

Inscrições vão até 2 de outubro

As inscrições para a 3ª Edição do Prêmio ODM Brasil estarão abertas até o dia 2 de outubro. Promovido pelo Governo Federal e coordenado pela Secretaria Geral da Presidência da República, pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e pelo Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade, a premiação foi criada para incentivar ações, programas e projetos desenvolvidos por prefeituras, empresas e organizações da sociedade que contribuem para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM).

A exemplo das demais edições, as práticas inscritas serão avaliadas e selecionadas por técnicos e especialistas. Ao final do processo, as melhores iniciativas serão escolhidas e premiadas por um júri especial. As inscrições podem ser feitas pelo site http://www.odmbrasil.org.br/site/_ e pelos correios, aos cuidados da Escola Nacional de Administração Pública - ENAP, em Brasília, Distrito Federal, no endereço: SAIS - Área 02 - A, CEP: 70610-900. O regimento interno do Prêmio ODM, com o calendário e a relação de documentos, pode ser obtido no site oficial da premiação.

O Prêmio foi lançado em 2004 e, desde então, foram realizadas duas edições: em 2005, com 920 projetos inscritos e 27 premiados; e em 2008, com 1062 projetos inscritos e 20 premiados. O Prêmio ODM Brasil tem coordenação técnica do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - IPEA e da Escola Nacional de Administração Pública - ENAP.

O que são os ODM

Os objetivos do milênio foram definidos durante reunião da Cúpula do Milênio, realizada em Nova Iorque em 2000, quando líderes de 189 nações oficializaram um pacto para tornar o mundo mais solidário e mais justo até 2015.

Para divulgar a 3ª Edição do Prêmio ODM Brasil estão acontecendo, até o mês de setembro, nos 27 estados e Distrito Federal, seminários regionais. O objetivo é sensibilizar prefeituras, empresas e organizações sociais para a adoção de ações que contribuam para o alcance dos oito Objetivos do Desenvolvimento do Milênio, que são:

1. Acabar com a fome e a miséria

2. Educação básica de qualidade para todos

3. Igualdade entre sexos e valorização da mulher

4. Reduzir a mortalidade infantil

5. Melhorar a saúde das gestantes

6. Combater a Aids, a malária e outras doenças

7. Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente

8. Todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento
 

por Gerência de Imprensa da Petrobras

Comentários comentar agora ❯