19 Abril 2021 - 08:32

Obras de saneamento básico beneficiarão mais de 240 mil maceioenses

Atualmente, os locais contemplados com as principais intervenções de infraestrutura são: Clima Bom (onde 77,98% da obra de esgotamento está concluída), Santa Lúcia (que já conta com 82,08% do sistema pronto), Tabuleiro do Martins, Cidade Universitária e Litoral Norte. No total, estes locais vão receber cerca de 126km de tubulação do sistema de esgotamento sanitário.

O Conjunto Vale do Reginaldo, que há muitos anos sofreu com a ausência do Poder Público, recebe também implantação de saneamento básico, rede de drenagem e, por fim, cerca de 1km de pavimentação. O projeto de urbanização da região também prevê a instalação de iluminação pública, que levará mais segurança aos moradores.

Conforme explicou a epidemiologista da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Rosicleide Barbosa, o saneamento básico proporciona inúmeros benefícios à população, além de evitar o aumento de casos de doenças como: dengue, zika, chicungunya, hepatite A, leptospirose e as doenças diarréicas.

“Locais que, sem saneamento básico, estão totalmente vulneráveis a manifestação dessas doenças e impactam diretamente na saúde. A melhoria no saneamento básico causa impacto diretamente na redução destas doenças e diminui os riscos de mortalidade infantil”, afirmou a especialista.

O secretário Nemer Ibrahim destaca que o saneamento básico, além de oferecer saúde, é um direito assegurado a todo cidadão.

“Obras de saneamento básico, que envolvem esgotamento sanitário, melhoram substancialmente a qualidade de vida e levam mais saúde à população. Todo cidadão tem direito ao saneamento básico e é para isso que a Prefeitura vem trabalhando. Estamos levando dignidade à parte alta da cidade e para as comunidades que passaram muitos anos sem receber estes serviços”, declarou.

por Secom - Maceió

Comentários comentar agora ❯