Blog da Juventude

Blog da Juventude

Por Willian Nelson

Postado em 07/12/2020 10:00

Após 800 anos, “Estrela de Natal ’’ se formará no céu

Google-Ilustração
Após 800 anos, “Estrela de Natal ’’ se formará no céu
Sua próxima exibição será em 800 anos.

De 16 a 21 de dezembro deste ano, poderá ser observado um grande fenômeno astronômico raro, também poderá ser observado no Brasil. Será o alinhamento de Júpiter e Saturno, que estarão próximos e devem parecer um planeta duplo (dois pontos brilhantes). Alinhamento em horizontes abertos, após o pôr do sol, astrônomos dizem que esse raro fenômeno só aconteceu a muitos séculos atrás.

Esse alinhamento planetário é conhecido como “Estrela de Belém” ou “Estrela do Natal”. Cientistas falam que no último dia do período, 21 de dezembro, a distância entre eles deve ser ainda menor. Sua visibilidade será sempre após o pôr do sol, esse fato historicamente só aconteceu nos anos de 1623 e 1226, ou seja, séculos atrás. O pesquisador do IAG-USP diz que, apesar de os planetas estarem próximos, a distância ainda vai ser de quase 700 milhões de quilômetros.

Muitos astrólogos, cientistas e pesquisadores, irão dirigir seus olhares a todo período deste raro evento astronômico. Esse efeito de conjunção ocorre a cada 400 e poucos anos, visto no século 13, século 17 e agora 21, o fenômeno apresentará uma beleza nos céus, e poderá ser vista em todas as partes do mundo, sem necessidade de elevação para avistar. Que essa estrela seja um marco de esperança a um novo ano que se aproxima.
 

Comentários comentar agora ❯